As manadas dispersaram - Por Flavio Siqueira
20/03/2020 11:37 em Textos

De repente a voz do consumismo se tornou inoportuna e sem sentido.
Quem quer saber sobre as novas ofertas em não sei quantas intermináveis parcelas "sem juros"?
Alguém está pensando no novo Iphone?
De repente os congestionamentos deixaram de ser notícia. Cade os sons das buzinas?
Quase não vejo aviões, poucos ônibus, pouca gente...
As igrejas estão vazias, os eventos cancelados, os prédios comerciais fechados.
A maioria das vozes calou, percebe?
As manadas dispersaram-se.
As pessoas estão com medo, mas descobrindo novas habilidades, recuperando hábitos saudáveis há muito esquecidos.
Ninguém está mais falando sobre "marketing digital", nem vendendo fórmulas mágicas para ficar rico em uma semana.
Onde estão os gurus? Os salvadores do mundo? Os poderosos escondidos em suas luxuosas grutas.
Quando o mundo parou, tivemos que acordar e, de repente, fez-se silêncio.... Percebe?

COMENTÁRIOS